Wednesday, November 24, 2004

A Paz


picture from webshots.com

A paz invadiu o meu coração
De repente me encheu de paz
Como se o vento de um tufão
Arrancasse os meus pés do chão
Onde eu já não me enterro mais.

A paz fez o mar da revolução
Invadir meu destino
A paz com aquela grande explosão
Uma bomba sobre o Japão
Fez nascer um Japão na paz.

Eu pensei em mim, eu pensei em ti
Eu chorei por nós
Que contradição só a guerra faz
Nosso amor em paz.

Eu vim parar na beira do cais
Onde a estrada chegou ao fim
Onde o fim da tarde é lilás
Onde o mar arrebenta em mim
O lamento de tantos ais.

Eu pensei em mim, eu pensei em ti
Eu chorei por nós
Que contradição só a guerra faz
Nosso amor em paz.

(João Donato, Gilberto Gil)

1 Deixaram aqui suas Palavra(s) de Amor:

Maria Branco

Lindo!! Minha querida.. Belissimo mesmo!! Sabes, a paz também invadiu o meu coração.. E é tão bom senti-la. É tão bom viver em paz conosco e com o mundo! Obrigada pelo também belissimo poema de Carlos Drummond de Andrade. Ele "canta" como ninguém estas coisas do amor. Toca-me tão profundamente quanto o teu gesto. O amor não inunda apenas a minha alma, inunda também a tua.. Juntamente com uma enorme sensibilidade. E diz-me, não é bom amar assim? Eu digo que é Ser, que é viver... Um beijo enorme para ti, e mais uma vez o meu muito obrigada! Outro enorme para a minha sobrinha linda!! Tem uma noite de paz...

Related Posts with Thumbnails
 
BlogBlogs.Com.Br