Friday, November 26, 2004

27 anos de saudade imensa!!!

PAI

Pai, pode ser que daqui algum tempo
Haja tempo pra gente ser mais
Muito mais que dois grandes amigos
Pai e filho talvez
Pai, pode ser que daí você sinta
Qualquer coisa entre esses vinte ou trinta
Longos anos em busca de paz



Pai, pode crer, eu estou bem, eu vou indo
Estou tentando, vivendo e pedindo
Com loucura pra você renascer
Pai, eu não faço questão de ser tudo
Só não quero e não vou ficar mudo
Pra falar de amor pra você



Pai, senta aqui o jantar está na mesa
Fale um pouco, sua voz está tão presa
Nos ensine esse jogo da vida
Onde a vida só paga pra ver
Pai, me perdoe essa insegurança
É que eu não sou mais aquela criança
Que um dia morrendo de medo
Nos seus braços você fez segredo
Nos seus braços você foi mais eu.



Pai, eu cresci e não houve outro jeito
Quero só recostar no seu peito
Pra pedir pra você ir lá em casa
E brincar de vovô com meu filho
No tapete da sala de estar.



Pai, você foi meu herói, meu bandido
Hoje é mais, muito mais que um amigo
Nem você nem ninguém está sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz.



Pai, paz.
+++++++++++++++++++++++++++
Dedico esta cançao (que eu nunca consegui cantar pela emoçao) a meu amado PAI, Clélio, primeiro grande AMOR de minha vida, que nos deixou há exatos 27 anos, deixando em nossa vida um vazio impossível de preencher e uma saudade impossível de ser medida, dado o AMOR que sempre sentiremos...
A ele também dedico esta página, pois foi, seguramente, a primeira pessoa a quem eu pude dizer:
"EU SEI QUE VOU TE AMAR
Por toda minha vida EU VOU TE AMAR
Em cada despedida EU VOU TE AMAR,
Desesperadamente EU SEI QUE VOU TE AMAR!
E cada verso meu será pra te dizer
Que EU SEI QUE VOU TE AMAR,
Por toda minha vida!
Eu sei que vou chorar,
A cada ausência tua eu vou chorar,
Mas cada volta tua há de apagar,
O que essa ausência tua me causou.
Eu sei que vou sofrer
A eterna desventura de viver,
À espera de viver ao lado teu,
Por toda minha vida".
+++++++++++++++++++++++
Pai,
Deixo aqui o meu abraço saudoso!
O beijo que eu queria ter podido te dar em todos estes anos!
O carinho que eu gostaria de haver podido fazer em tua cabecinha já branca pelos anos vividos!
Fica com Deus, Grande AMOR!

3 Deixaram aqui suas Palavra(s) de Amor:

MONALISA

Fiquei com um nó na garganta ao ler a tua homenagem. Claro que me tocaria, poderia até fazê-la minha: ele também se foi já faz uns tempos. Nem me deu tempo sequer de o conhecer bem. Encontro-o em mim, mas ainda dói.
Beijo

lobices

...também amei meu Pai... ele também partiu há 18 anos e nunca pude dizer a ele o quanto o amava... quanto a ti, de idade de meus filhos, do mesmo signo que eu e com nome igual a minha Mãe ainda viva... beijinhos e tive prazer em conhecer teu sítio... **

Maria Branco

Minha querida, depois de te ler, ficou apenas a vontade imensa de te dar um abraço forte, forte! Ele falaria por todas as palavras que na emoção tem dificuldade em sair. Onde quer que o teu pai esteja, terá com toda a certeza um sorriso imenso, um orgulho infinito por ti! Onde quer que ele esteja, protege-te a cada passo, a cada dia! Um beijo enorme......

Related Posts with Thumbnails
 
BlogBlogs.Com.Br